quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Edward de Bach


 "Seja fiel a si mesmo, 
a sua individualidade; 
as interferências ocorrem em nossa Vida, 
pois são necessárias para nosso crescimento, 
só não podemos permitir que nos tirem do caminho. 
Quanto mais dificuldades tivermos, 
mais poderemos estar certos 
de que nossa Missão vale a pena."
Edward Bach.

A Terapia Floral age diretamente no sistema Energético do indivíduo. 

Edward Bach,médico e criador da Terapia Floral,observou que o desequilíbrio Mental e Emocional geram desordens no corpo físico.Segundo ele,a doença é o estágio final de um estado Energético em desequilíbrio no corpo Emocional (mágoa,ressentimento,medo,insegurança) e/ou no corpo Mental (estresse,negativismo,pensamentos mórbidos,etc).

Ao longo de suas pesquisas e estudo,percebeu que determinadas flores possuíam propriedades Energéticas e Vibracionais que auxiliam o indivíduo como Equilibrador de suas Emoções.Criadas e desenvolvidas pelo médico inglês,as 38 essências constituem o primeiro sistema de Essências Florais conhecido.

Dr. Bach as organizou em 7 categorias,
indicadas para diversos estados Emocionais como: medo,solidão,desalento,insegurança,
falta de interesse pelas circunstâncias atuais,
excesso de preocupação com o outro 
e sensibilidade a influências externas.


Os "remédios" Florais,não têm contraindicação e podem ser tomados aliados a qualquer tipo de tratamento;são indicados,também a plantas e animais.A escolha de uma determinada essência Floral é um apoio em processos Psicoterapêuticos e de Crescimento Pessoal,aonde vai agindo – de forma sutil – na transmutação de padrões mentais e emocionais limitantes,realizando uma verdadeira alquimia no indivíduo.

A atuação da Terapia Floral segundo seu criador: 
A ação desses remédios consiste em elevar nossas vibrações e abrir nossos canais para a recepção do Eu Espiritual;em inundar nossa natureza com a virtude particular de que precisamos,e em expurgar de nós o erro que causa o mal.Elas são capazes,como uma música bonita ou qualquer outra forma gloriosa,que nos eleva ou inspira,de alçar nossa própria natureza,de aproximar-nos de nossa Alma e,por esse mesmo ato,de dar-nos Paz e aliviar nossos sofrimentos.Elas não curam a moléstia,mas inunda-nos o corpo com as formosas Vibrações da nossa natureza Superior,na presença das quais a moléstia se derrete como neve ao sol.Não haverá cura verdadeira se não houver mudança na aparência,paz de espírito e felicidade interior.

Amor,Luz e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Grata pelo contato.
Responderei brevemente.
Fraternos Abraços