quinta-feira, 4 de junho de 2015

Aprendendo a NÃO julgar


Você não tem ideia de como funciona o interior do seu semelhante
Não saber o que a pessoa ao seu lado já viveu
É o que basta para não julgar
Como viveu e seus aprendizados
As feridas nem sempre cicatrizadas
Alguns segredos em olhos cansados
Os sonhos, alegrias e conquistas
As desistências, lutas e tristezas
Temos mania de notar o que queremos
Tentados a enxergar o que convém
Deixamos passar um momento
Tal momento de dizer uma palavra amiga
Um abraço tão esperado
Um convite de quem tanto adora
Ser bem quisto, ser respeitado
Ficamos com o não julgar e respeitar
Não julgar as pessoas o torna único
Um ser especial no meio da multidão
Da diversidade e de tanta vaidade
É o suficiente para fazer diferença
Se evoluir é nosso propósito
Comecemos pelo básico
Amar, respeitar e não julgar
Na continuação podemos tentar mais
Tratar do ego e da gratidão
Considerar melhor as diferenças
Notar o efeito dos atos
Identificando nosso lugar.

Lu Angele

(fonte:/guardioesnatureza.wordpress.com)

Amor,Luz e Paz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Grata pelo contato.
Responderei brevemente.
Fraternos Abraços