domingo, 15 de novembro de 2015

Introspecção Reflexiva


É muito normal não encontrar sentido na vida quando se está muito condicionado pelo mundo e que entre os valores reconhecidos não está o único que pode dar-lhe sentido à vida,que é a realização de nosso potencial.

Em primeiro há que buscar,há que honrar o espírito da busca porque é intrínseco à natureza humana.

Estamos na vida para sermos nós mesmos,e sermos nós mesmos é crescer.

Progresso rumo a uma liberdade,mas além de sua própria consciência de sua polícia interior.

Há que se libertar dessa polícia interior,porque se alguém vai ser uma pessoa boa,não será às custas da vigilância policial. 

Somos como plantas que estão destinadas a florescer e não só a florescer mas também a dar frutos. 

Então,enquanto não há transformação,os organismos humanos são como plantas que não chegam nunca à floração. 

Assim que,sim,devoção,amor ao próximo,liberdade de nossos desejos… creio que esse é um programa que as pessoas poderiam assumir,para a saúde mental,para cuidarem de si mesmas.

Claudio Naranjo

Gratidão

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Grata pelo contato.
Responderei brevemente.
Fraternos Abraços