sábado, 14 de fevereiro de 2015

O Caminho do Espírito


Como sempre,este é o meu ponto de vista…
Não sou dona da verdade…
Assim,como cada um de nós tem um ponto de vista que é único,também o seu caminho para o Espírito é único.
No Xamanismo chama-se a este caminho o “caminho da pena” porque,segundo os índios norte-americanos, a pena seria o elemento mais comum encontrado num retiro xamânico de encontro com o Espírito.
A pena seria incorporada num caça sonhos,num cocar,no cabelo,etc.,e só a pessoa saberia o seu significado espiritual…
Da mesma forma,nós temos as nossas penas na vida do dia-a-dia.
São elas que nos moldam como humanos nesta caminhada para Deus.
E são únicas…não existem duas iguais…
Existem,contudo,padrões e arquétipos.
Os padrões simbolizam as etapas atravessadas,no caminho,daquele que procura o Intangível.
Essas etapas são reconhecidas,por aqueles que já fizeram o mesmo caminho,porque são muito semelhantes e sempre as mesmas.
E os arquétipos são as situações de drama em que as pessoas se colocam a elas próprias para atingir e principalmente vencer essas etapas ou padrões.
Os dramas da nossa vida servem como alerta para reflexão sobre o caminho que levamos até aqui.
Quando o caminho não é o correto o alerta é dado,ou por perdas materiais,ou amorosas,ou de saúde…por vezes são todas ao mesmo tempo.
Há quem diga que isto é karma…não é certo,porque em vez de uma punição tem a ver com a Realidade que diz claramente:-Tu és um Espírito que vieste viver determinadas experiências apropriadas a ti e não estás a fazê-lo…muda a tua vida!
A vida que vivemos exterior a nós,a vida pelo corpo,deve ser adequada,em termos espirituais,ao que viemos aprender.
Deve ser de forma a mudar a nossa perspectiva até atingirmos a Paz e a Felicidade enquanto vivemos nesta dimensão.
É a única forma que temos de saber que estamos no caminho certo.
Não interessa o que fazemos ou como o fazemos porque,ao sermos Felizes e Pacíficos sabemos que estamos no lugar certo,no lugar do Coração.
Não adianta andarmos à procura da Felicidade instantânea que esta ou aquela coisa,este ou aquele mestre, ou pessoa nos vai dar…não…a Felicidade e a Paz,bem como o Amor estão dentro do nosso Coração e por isso bem pertinho de nós.
Aprendamos assim a viver com Compaixão e Paciência,Amor e Reverência,por nós próprios e pelos outros que são o nosso outro EU,porque no final das contas SOMOS TODOS UM.
Paula Mourato

(www.facebook.com/novaterradosbudas)

Amor,Luz e Paz

Um comentário:

Grata pelo contato.
Responderei brevemente.
Fraternos Abraços