domingo, 21 de fevereiro de 2016

Para refletir


Aos poucos vamos percebendo que certas pessoas já não nos fazem falta,que certas atitudes já não nos machucam como antes e que certos sentimentos já não nos causam dores.

Aos poucos vamos aprendendo que solidão não é estar só e que carência não é ausência de afetos.

Aos poucos vamos conduzindo nosso próprio sentir,disfarçando alguns olhares,definindo alguns sorrisos, selecionando dalguns abraços.

Aos poucos vamos percebendo que equilíbrio nem sempre é sinal de sensatez e que perdê-lo em alguns momentos é apenas um ato de se libertar. 

Aos poucos vamos compreendendo que mudar não é se anular e que se perder é uma forma bem maluca de se reencontrar. 

Aos poucos vamos nos desapegando de velhas ilusões e nos permitindo viver o NOVO que a vida nos dá. 

Aos poucos vamos descobrindo que caráter,valores e sentimentos andam juntos e ambos é que nos fazem crescer por dentro...

Aos poucos vamos nos conhecendo! 

Por Cecilia Sfalsin 

Fraternos Abraços

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Grata pelo contato.
Responderei brevemente.
Fraternos Abraços