domingo, 15 de março de 2015

...sofrimento...


Você está sempre perguntando como conseguir livrar-se do sofrimento.Perguntando assim, parece que o sofrimento o está segurando e você quer livrar-se dele.Se o sofrimento estivesse lhe segurando,então não seria possível você se livrar dele,porque a posse não estaria em suas mãos,mas nas mãos do sofrimento. Você seria impotente.E se depois de tantas vidas você ainda não conseguiu tornar-se livre,então como conseguir tornar-se livre agora?

Eu digo a você que o sofrimento não o está segurando;você é que está segurando o sofrimento.E se você puder fazer uns experimentos,aceitando o que eu estou dizendo,você irá compreender por si mesmo.E não apenas você compreenderá isso,mas você irá experienciar uma entrega;você saberá como o sofrimento pode ser abandonado. 

E quando tornar-se bom na arte de abandonar o sofrimento,você irá perceber o que estava arrastando consigo.E ninguém,a não ser você,era responsável por isso.Por qualquer coisa que você tenha experienciado como sofrimento,nenhuma outra pessoa pode ser responsabilizada.Esse era o seu desejo: você queria sofrer. 

Tudo o que nós desejarmos será permitido.E tudo o que você é,é o fruto dos seus desejos.Nem Deus é responsável,nem a sorte;ninguém tem motivo algum para lhe causar problemas. 

A verdade é que a existência está sempre querendo fazer você ficar alegre.Toda essa existência quer que a sua vida se torne um festival...porque quando você está infeliz,você também sai atirando infelicidade por toda a sua volta. 


Quando você está infeliz,o mau cheiro de suas feridas alcança toda a existência.E quando você está infeliz,a existência também sente dor.Todo esse mundo sente dor quando você está infeliz e sente alegria quando você está alegre. 

A existência não deseja que você deva ser infeliz.Isso seria suicídio para a própria existência.Mas você está infeliz e para se tornar infeliz você teve que fazer toda sorte de arranjos.E enquanto isso não for destruído, você não será capaz de abrir os seus olhos para a felicidade.
 

Osho 

Namastê/Namaskar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Grata pelo contato.
Responderei brevemente.
Fraternos Abraços