sábado, 16 de março de 2013

Calma


Quando pensamentos e sentimentos ficam tranquilos como as águas de um lago, eu posso ver através as profundezas. 
Na quietude, há um fim do pensar e o começo do “ver” o fundo de mim. 
Apenas então consigo acessar o poder da minha sabedoria, o poder do meu coração amoroso, o poder da minha verdade, para criar o modo que eu viverei minha vida. 
Que hoje eu fortaleça a qualidade da minha vida ao acessar a profundeza de mim mesmo.

Brahma Kumaris


Namastê

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Grata pelo contato.
Responderei brevemente.
Fraternos Abraços