sexta-feira, 22 de março de 2013

Eternidade

No silêncio e na quietude podemos sair do tempo. 
Observar com desapego o que aconteceu, o que está acontecendo, e o que virá à medida que a grande obra dos eventos se revela. 
Esse é o momento de quietude. 
Quando o tempo está imóvel podemos conectar a consciência da alma com a Alma Suprema. 
Experimentamos a profunda satisfação da atemporalidade. Um momento de conexão além do tempo. 
Um sabor de eternidade. 
E com essa consciência retornamos ao tempo e à história para desempenhar nosso papel.
Brahma Kumaris

Namastê

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Grata pelo contato.
Responderei brevemente.
Fraternos Abraços